Lilypie

quinta-feira, janeiro 12, 2006

dia triste


hoje é um dia verdadeiramente triste!
comecei com a triste noticia de que talvez fosse o meu querido Smith que estivesse na beira da estrada, inerte...
por vezes o smith ía à rua, tanto que nos esgotava a miar insistentemente que eu acabava por ceder e deixá-lo ir, ele era castrado mas o chamamento da natureza era mais forte... adorava ir cheirar as ervas dos jardins dos vizinhos... adora pegar-se com os gatos e gatas da vizinha... enfim, era um gato e gostava de coisas de gato...
ontem cheguei a casa cheia de sacos das compras e escapuliram-se todos, a Ni, a Canita e o Smith, para as escadas do prédio. Chamei por eles, mas só as meninas é que obedeceram e voltaram, ele era macho, era mais rebelde...
então ficou pelas escadas... de certo que um vizinho chegou e ele, descarado como sempre, não receou e saiu pela porta, aberta apenas uns segundos fundamentais para aquela fuga para a natureza! para a aventura!
quando me fui deitar, chamei por ele, na esperança que me respondesse a miar, de lá de baixo, como o fizera tantas vezes e como quem diz "estou aqui, vem abrir a porta que isto já deu o que tinha a dar..."
mas ontem não respondeu, e eu pensei, bem, hoje deve estar entretido e fica a noite fora!
de manhã, quando o P. sai, costuma ter que voltar a tras para abrir a porta ao senhor gato, esgotado das aventuras nocturnas, que após um snack de ração ía logo para o quarto, dormir e lavar-se... e pedir mimos que ele tinha estado na "selva"...
pois, hoje não aconteceu! e eu levantei-me a pensar - tenho que chamar o Smith e ele que não pense que fica fora durante o dia! é muito perigoso! (ingenua...)
mas afinal, não foi preciso chamar, quando cheguei perto do corpinho daquele gato na beira da estrada percebi que apenas me iludi pensando que era um gato preto, não, era o fofinho e querido Smith, o gato que me dava turras, que pedia ao P. para ir para o colo dele quando este estava sentado no seu banco junto à lareira, e tantas outras carcateristicas que nunca esqueceremos!
Smith, terás para sempre um lugar em nosso coração! Descansas agora junto a três pinheiros, no Pinhal de Leiria, onde te levámos várias vezes e adoravas todos os cheiros, todas as sensações, daquele apelo da natureza que acabou por te levar...

29 Comments:

Blogger Aqua said...

lamento...

Coragem...

9:30 da tarde  
Blogger anitaK said...

... bjs...

9:42 da tarde  
Blogger Sarokas said...

nós estamos aqui para te apoiar linda!:) beijokasss elctricasss xeia de miminhos

9:55 da tarde  
Blogger patricia lima said...

o smith era um verdadeiro gato, lindo de pelo sedoso e super macio, aventureiro mas também muito meigo, vou sempre lembrar-me dele assim. agora só podemos imaginá-lo alegre e animado, na companhia do riscas no "céu dos gatos", assim com um mega harém de gatas maravilhosas! (esta história não é minha mas é genial e acho mesmo que consigo acreditar nela!) um beijo enorme

10:21 da tarde  
Blogger Sunshine said...

Lamento imenso..Muita força nesta hora que deve ser realmente de profunda tristeza..Coragem,dizem que os gatos têm 7 vidas,voltas a cruzar-te com ele ainda nesta :P
Beijinhos Grandes com Muita Luz!

10:27 da tarde  
Anonymous miriam said...

muitos muitos beijinhos.
e muita força.

eu sei que é dificil e que eles são insubstituíveis mas ainda tens duas lindas. =)

11:43 da tarde  
Blogger Algodão said...

...beijinhos e força...

9:20 da manhã  
Blogger trapinho said...

Coragem e o mais importante é ue ele está no teu coração. FORÇA.

9:49 da manhã  
Blogger dina said...

lamento, apoia-te nas "meninas", nada melhor do que isso, se não tivesses mais nenhum dizia-te já para arranjares outro

10:52 da manhã  
Blogger wiSHEs&HEros said...

Que triste, pelo menos ficam as boas lembranças.

11:49 da manhã  
Blogger Salatia said...

Também perdi, a semana passada, o meu gato mais velho...fica a saudade...beijokas.

12:13 da tarde  
Blogger carine said...

fiquei tão triste... só o vi uma vez , mas sinto-me como se fosse um dos neus gatos..
Força paulinha e coragem !!

beijos

12:17 da tarde  
Blogger siworld said...

Estou triste por ti. Tenho imensa pena do teu Smith. Muita força. Beijinhos

12:23 da tarde  
Blogger rutinha said...

q vontade de chorar ao saber do teu gatito...ainda p cima é parecido c o meu Marley (na foto).realmente hoje é um dia triste:(

12:43 da tarde  
Blogger ritapinheiro said...

Tenho muita, muita pena! Sei bem o que estás a sentir.
Um grande beijinho

1:49 da tarde  
Blogger Malena said...

Que tristeza... Parece que permemos um bocadinho da nossa alma... Um dia voltarão a reencontrar-se, vais ver que sim. Por enquanto recorda o teu Snith como ele era, com a alegria que ele viveu.
Uma beijoca cheia de força
Malena

10:09 da tarde  
Blogger Sofia Barao said...

acabei por chorar com as tuas palavras, sinto muito .

10:55 da manhã  
Blogger aartesana said...

Vim pelo Flickr aqui...

Beijos grandes

Ana

5:44 da tarde  
Blogger cristina salvador said...

Quando perdi o meu cão foi como perder um membro da minha família...Mas quase todos os dias olho para uma polaroid que tenho dele e penso que na realidade não o perdi porque todos os bons momentos que passámos nunca se poderam perder. Porque estão aqui dentro... Aí dentro o Smith vai estar sempre vivo e vocês nunca mais se perderão um do outro.
Beijinhos
Cristina

4:49 da tarde  
Blogger As Musas said...

Não tenho palavras.

5:00 da tarde  
Blogger Sinda - Ideias criativas said...

Compartilho contigo a dor da perda, pois eu já perdi três das minhas melhores amigas e não foi facil, pois cada uma dela era diferente e nenhuma substitui a outra. Tb tenho muitas saudades de todas mas em especial da Sassá que tinha partinhado comigo 15 anos de ternura e carinho...ainda hoje ao fim de um ano quando entro em casa de minha mãe procuro inconscientemente por ela...
Beijinhos,e não sabes o quanto lamento...

5:24 da tarde  
Blogger Alexa said...

Lamento imenso!... :(
É sempre triste quando perdemos um animal :(
Força!

10:29 da manhã  
Blogger BrasucaPortuguesa said...

sinto tanto pelo teu gatinho...
sei que não é hora de brincadeiras...mas já tá indo um gato de pano pra ti...pra tu te sentires melhor...ao menos um bocadinho...
desculpe a demora...mas ando cá com uns problemazitos de saúde...
grandes beijinhos...
e fica com Deus!
Força!!!

2:29 da tarde  
Blogger Maria Rapaz said...

:(

1:18 da tarde  
Blogger Xica said...

Lamento muito. Já perdi 2 e sei que doi muito.

2:57 da tarde  
Blogger Pedaço de Amor said...

beijo grande no seu coração...

11:59 da manhã  
Blogger Carol M. said...

Um grande beijo pra vc, to chorando de ler isso, dá uma dor terrível, tenha força e lembre sempre de quanto amor ele te deu, beijos Carol

7:47 da tarde  
Blogger Fabiana said...

Sinto muito, Paula! Foi uma ótima humana de estimação para o Smith pelo visto, ele deve estar bem agradecido por todos os mimos, e agora deve estar brincando com outros ronronantes no céu de atum. =^.^=

Fiquem bem, nossos sentimentos.
Beijos.
Fabiana & Snarf

8:06 da tarde  
Anonymous Yara said...

Eu sei o que você está sentindo, é mesmo muito triste. Mas o Smith está no céu dos gatos, cercado de lindas gatinhas, de atum fresco e de pires com leite, pode ter certeza que ele está lá sim. Beijins pra você, força.

4:06 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home